25 de mar de 2009

ela
era onde terminaria a garganta
e ele
.
fuga
e
.
de desvios
dobrou-se na esquina
e soube seu caminho
no fundo falso
testemunho
e descobriu a cartografia e os rios
.
e
fugas
.
por algumas de suas veias óbvias
num exame de sangue
.
ou
.
um selo de carta
para qualquer criança que fingiria
ser um herói ou ser o Romário
ou o terceiro excluído
.
ou ainda
.
a campainha
lamentando no fim do açúcar
uma súbita
necessidade de ter um vizinho
com o pay-per-view
da partida do ajuste de contas
com o seu passado rico
em ser podre
como o dela ou o de seu namorado
.
ou
deles
de todos os outros
numa pista para se fazer
de um crime uma fuga
da consciência obscena
de um cabelo encravado
ou de um
mal espremido cravo

19 de mar de 2009

estoicismo

alisar o ventre e os seis

mamilos da gata siamesa

não garante alívio nos calos

ou um divisar de sete vidas

na segurança da queda

.

a língua não se faz esponja

em espuma adstringente

mesmo quando se sugere

sedutora a fricção do corte

(um risco menor que a morte)

no banho ou no latido oco

dentro do tórax calcinado